Coegemas/RJ defende priorização da Assistência Social

Coegemas/RJ defende priorização da Assistência Social


Coegemas/RJ defende priorização da Assistência Social por Ministério da Cidadania

  

 

Coegemas/RJ defende priorização da Assistência Social por Ministério da Cidadania


 

 

 

 

9 de junho de 2021

 

A presidenta do Colegiado Estadual de Gestores Municipais de Assistência Social do Rio de Janeiro (COEGEMAS/RJ), Elaine Medeiros, teve agenda com o ministro João Roma (Cidadania), na última quarta-feira (7), em Brasília, para reforçar a necessidade de priorização das pautas relacionadas à Assistência Social, como o orçamento para o exercício de 2021, revogação da Portaria nº 2362/19, alterações no Cadastro Único e imunização de profissionais do SUAS.

 

Para a presidenta do Coegemas/RJ, o encontro foi positivo e gerou boas expectativas pelo acolhimento das pautas. “Estamos lutando para colocar o SUAS no patamar da política pública que ele merece de fato estar”, revelou.

 

 

O ministro recebeu Elaine, que também é secretária Municipal de Assistência Social de Nova Iguaçu/RJ, com o secretário Estadual de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Rio de Janeiro, Matheus Quintal, no seu gabinete. Afirmou que tem lutado pela recomposição do orçamento da Assistência Social, conforme compromisso firmado em encontro com o presidente do Congemas, Elias Oliveira, onde discutiu sobre a revogação da Portaria nº 2362/19.

 

Contudo, em relação a revogação da portaria, o posicionamento do ministro foi de não acreditar na solução para a resolução do problema de financiamento da pasta. Durante a reunião, Roma ainda enfatizou a importância da Política de Assistência Social, falou que o Cadastro Único precisa ser reformulado e informou já ter solicitado a inclusão dos/as profissionais do SUAS no Plano Nacional de Imunização. 

 

 

 

 

Por Danielle Cantanhede

 

Com informações do Coegemas Rio de Janeiro.